quarta-feira, 21 de maio de 2008

O mundo na ponta dos dedos

Isto da Internet é um espectáculo...tantos anos a ser utilizadora desta coisa e ainda consigo ficar maravilhada perante o seu poder. Domingo, depois de ter navegado numa livraria online, encomendei 2 livros a serem-me entregues em casa. 3ª feira já tinha o aviso postal para os ir levantar aos CTT, e hoje procedi ao seu levantamento, contente e entusiasmada por ter mais dois livros a adicionar à biblioteca.

Por mais que falem dos malefícios da Net, no meu ver é só vantagens. Já reservei viagens, hotéis, bilhetes de espectáculos. Já tirei dúvidas sobre um qualquer assunto, já tirei um curso em e-learning, já entreguei o IRS. Vejo a quantas andam as minhas finanças, consulto diariamente o Diário da República, e leio os jornais (embora ache que nada bate o papel). Podemos manter o contacto com amigos mais ou menos distantes, ver casas para alugar ou comprar, ver propostas de emprego, enviar currículos, e até, quiçá, encontrar o amor. E tudo isto à distância dum clique. É como ter um mundo na ponta dos dedos...
E como se costuma deixar para último o melhor, ainda temos os blogues, e todos vós que aqui "conheci"...

8 comentários:

  1. Tudo isso e muito mais à distância de um clique. Ainda hoje, para além de ter carregado o telemóvel, ter feito pagamentos, enviado o IRS, tirar uma caderneta predial e saber o melhor caminho para o "IKEA" :o), usei a net. Para mim, que sou um pouquinho :):) mais velho que tu, a viagem foi (está a ser)muito mais fascinante, pois ainda sou do tempo das máquinas de escrever, das cartas de amor escritas à mão, dos telefonemas na cabine, da TV a preto e branco...ehehehe, é melhor parar. Só não consigo compreender como há, ainda, quem resista a não querer nada com a net. :o), mas compreendo e aceito, que nada é perfeito...como tudo na vida.

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  2. Olha que eu também sou do tempo das máquinas de escrever, TV a preto e branco e telefonemas na cabine, ou no café. Somos todas da velha guarda, he,he,he...

    ResponderEliminar
  3. Compras na Net, só com pagamentos, à cobrança.

    Não sei usar mais nada.
    O meu filho ensinou-me a criar uma conta virtual e um cartão virtual, só no valor da compra que se quer efectuar.
    Aos 61 anos, já não me seduzem estas compras assim.
    Há um site, o www.pixmania.com, que antigamente, vendia tudo bastante abaixo dos restantes, com uma vantagem.
    Podia-se encomendar em Espanha, que ao fim de três dias, recebia-mos a encomenda.
    Só aceitavam cheques e não cobravam nada pelo transporte.
    Agora é um pouco diferente, apesar dos preçoa atractivos ... mas temos que acrescentar-lhe o transporte.

    A Net até me permite falar com o meu filho, DE BORLA, pelo Skype, para Manchester, onde trabalha.

    E depois, como diz a "Mac" temos a vida diferente dos blogues, que nos mantêm activos e onde se criam "amizades" e nalguns casos intimidades, que nunca seriam possíveis, noutras ocasiões, entre "desconhecidos".

    Não tiro o rendimento devido, por um lado por desconhecimento e azelhice, mas também não confio em determinadas facilidades.
    Já utilizo o computador há mais de 25 anos. Era um "Zenith", um pequeno caixote com um monitor acoplado, onde se podiam inserir disquetes, ligar o rato, teclado e uma impressora Epson de agulhas.
    Ainda hoje está em condições de funcionar e tenho saudades do "Word Star", para texto.

    Bem, parece-me que já gastei a tinta toda.
    Um bom feriado.

    ResponderEliminar
  4. gostei, nunca fiz compara online, prefiro ver de perto mas se achar algo de relevante farei.

    ResponderEliminar
  5. QUERO!
    Quero dar-lhe os parabéns pelo querer posto no Eremitério.
    Soube transmitir um desejo que penso, seja colectivo, aos da nossa geração.
    Um abraço e desejos de que siga em frente.

    ResponderEliminar
  6. Tens toda a razão.
    Para o bem, a net é formidável. Nem sei como poedríamos viver sem ela...
    Mas para o mal... o que, de resto, também acontece na viada real.

    Gostei da tua participação no 3º jogo das 12 palavras.
    Excelente é a palavra que tenho para qualificar o teu texto.

    Bfs, beijinhos.

    ResponderEliminar
  7. Isto realmente da internet é uma maravilha. quando comecei nestas andanças ainda usava modem interno de 56kbits. Aquele famoso barulho que me fazia lembrar o carregar dos jogos no spectrum. Huuuummmmmm. Mas depois veio a netcabo, o adsl, os kangurus e tal e cada vez mais depressa aparecem e de certeza que vão aparecer novas tecnologias para nos darem oportunidades de viajar-mos por este mundo fora, a fazer o que quer que seja, no café, em casa ou até mesmo na cama(claro que neste ultimo caso necessitamos de um portátil). eu só não levanto dinheiro via internet, porque ainda não há possibilidade. Mas um dia quem sabe.......

    ResponderEliminar
  8. Como em tudo na vida, há bom e mau, portanto o segredo está em aprender, seleccionar e cumprir as regras

    ResponderEliminar

The summer is gone III