domingo, 24 de fevereiro de 2008

Festival Para Gente Sentada








Sexta e Sábado decorreu em Santa Maria da Feira o Festival Para Gente Sentada. 6ªF decorreram as actuações de Sean Riley and the Slow Riders, Terry Lee Hale e Nina Nastasia, no Sábado actuaram Norberto Lobo, JP Simões e Richard Hawley.
Adorei!!! Tenho de confessar que não conhecia este Festival e muito menos os artistas que por lá actuaram, mas excedeu as minhas expectativas. Gostei principalmente do 1ºdia, de Nina Nastacia e da sua voz potente e especialmente de Sean Riley, que apesar de não parecer são uma banda portuguesa. Constituída por 3 jovens multifacetados, onde cada um toca uma série de instrumentos, e onde ressalta a figura do baixista, com um fato fora de moda e a lembrar o Frankenstein. É se de estar atento a estes meninos.

O 2ºdia ficou marcado por Richard Hawley e o seu estilo rockabilly e pela actuação dos 2 portugueses, o estreante Noberto Lobo e JP, um excelente comunicador e cujas músicas têm um cheirinho a bossa nova.

Foram 2 dias espectaculares!! Para o ano há mais...

8 comentários:

  1. no outro dia ouvi na rádio o "Richard Hawley" que não conhecia: muito bom. fui muito em cima e já não dava para ir até stª maria da feira; pelos vistos perdi um grande festival.

    ResponderEliminar
  2. Aqui a dois kms e não pude ir, conflito de agenda.

    De facto Santa Maria da Feira é realmente um espectáculo nestas áreas culturais.

    ResponderEliminar
  3. Este festival não me puxou a ir, confesso que não é muito o meu estilo. No entanto, se fosse, seria sem dúvida por Sean Riley and the Slowriders. Estes meninos são da minha cidade, Coimbra, e já tive oportunidade de os ver uma vez num belo concerto com os Wraygunn. Com certeza que irão longe :)

    ResponderEliminar
  4. Muitos quilómetros me separavam de Santa Maria da Feira. No entanto, não viesse hoje aqui, e continuaria no mais profundo desconhecimento.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  5. Barcelona em teus olhares, ainda bem que foste, entranha-se essa cidade!
    Obg pela indicação, Vilar de Matos foi objecto duma visita e loucura (minha) já há dois anos... Fiz vários posts no meu blog sobre esse lugar de encanto. O Sr. Paulino Curval que diz "querer morrer no meio das suas camélias"...
    Até no PPP (em "Improviso" 22.3.07) ele lá está, num riso muito seu. Foi bom lembrares...
    Bj

    ResponderEliminar
  6. ahhhhh....também estiveste lá! Pois...mas eu não. Andei (ando) por outros festivais ;);)

    ResponderEliminar
  7. Nem sei quem disse, "abençoados os ignorantes".
    Não sou muito de Festivais, para não dizer que desde que o Zeca Afonso morreu, não vou a nenhum.

    Cheguei a ir a Vilar de Mouros 2 anos seguidos.

    Mas a vida e a família não nos proporcionam o que gostaríamos de fazer, mesmo em conjunto.

    Oiço rádio ... sentado!

    ResponderEliminar
  8. ...música é cultura, sem dúvida...
    Abraços

    ResponderEliminar

The summer is gone III