sábado, 22 de março de 2008

Sair do Armário



Solange F., 31 anos, apresentadora do programa Curto-Circuito, da SIC Radical, é uma das seis mulheres que assumem ao Expresso a sua homossexualidade. Leia a reportagem na Única.
Parabéns à Solange e às outras 5 mulheres pela coragem demonstrada...Infelizmente ainda há muita homofobia à solta.
E uma grande salva de palmas ao Expresso.

5 comentários:

  1. também li e vi. muito bem, à que assumir tudo o que somos e obrigar esta sociedade de preconceitos a aceitar as coisas.

    ResponderEliminar
  2. Todos diferentes, todos iguais. Habituado fui a respeitar as pessoas independentemente da sua côr, tendência política ou sexual. No entanto...detesto "modas", e hoje em dia (NA MINHA OPINIÃO) é moda as pessoas "assumirem" a sua tendência sexual. Antigamente, colocávamos na lapela, o emblema do clube de futebol...depois vieram os partidos...depois os lacinhos disto e daquilo. Com o tempo a "moda" se foi, outras virão. Pessoalmente, ASSUMO a minha total discordância pela "importância" a que se dá ao assunto. Mas, como disse de início...todos diferentes, todos iguais.

    ResponderEliminar
  3. Mas é pelo facto de haver pessoas que dão a cara, que estereotipos poderão ser quebrados, dando coragem a quem ainda está dentro do armário, e a não sentirem-se tão "anormais", tal como a sociedade teima em rotular. Há que quebrar estes rótulos.

    ResponderEliminar
  4. Não concordo com assumir ou andar a badalar algo.
    Cada um tem a sua vida que não interessa rigorosamente aos "vizinhos"
    Será para afastar fantasmas?
    Deixa,m de ser as mesmas pessoas e passam a um estatuto mais elevado, ou mais baixo???
    A nossa, (mundana), sociedade está mal estruturada, porque quem é que quer saber se uma figura pública é hetero ou metro, ou bissexual, ou tudo junto ...
    Nem fiquei mais rico, nem mais pobre ...
    Mas alguém perdeu algo ...

    ResponderEliminar

The summer is gone III