domingo, 2 de novembro de 2008

Living in a Lie

Em Outubro, o ministro das Finanças garantia que nenhum banco português estaria em perigo devido a problemas de insolvência, e que o Estado não permitiria que nenhuma instituição possa po em causa ou perigar o dinheiro dos portugueses .

Há uma semana atrás, os 5 maiores bancos em Portugal anunciavam de forma concertada a sua intenção de utilizar o aval do Estado, tendo como objectivo aparente ocultar informação, uma vez que assim não seria possivel identificar quais os bancos que se encontram numa situação mais frágil.

Hoje, se calhar para comemorar o Dia de Finados, é anunciada a nacionalização do BPN.

5 comentários:

  1. E quem sabe se no próximo 10 de Junho Dias Loureiro, Oliveira e Costa e Daniel Sanches, entre outros, não vão ser galardoados por relevantes serviços à Pátria no caso BPN?

    ResponderEliminar
  2. E nós a assistirmos,impotentes e revoltados,a todos estes crimes impunes.

    ResponderEliminar
  3. E o BPI, que não quer que lhe descubram os podres, não se vai utilizar do dinheiro ... (dá deus nozes a quem não tem carteira. Que me pusessem á disposição 4000 milhões, que eu até aprenderia a voar ...)

    Mas temos que nos unir e ajudar estes pobres banqueiros do povo ...

    ResponderEliminar
  4. A questão do BPN é um escândalo!!! Aliás, na minha opinião os responsáveis pelo sector, incluindo Banco de Portugal, deviam ser DEMITIDOS!

    Há uns 5 anos atrás, trabalhava eu numa empresa muito conhecida da cidade do Porto, e já se falava no BPN como sendo um "Banco" esquisito...lavagem de dinheiro, negócios obscuros...remunerações acima da média e com "back officce" só para "alguns" a colocar dinheirinho lá para os lados das Ilhas Cayman.

    E fiquemos por aqui

    ResponderEliminar
  5. ...escandaloso, vergonhoso! Será desta que as prisões terão o privilégio de encarcerar os bandidos mais perigosos do gang do colarinho branco?
    Fico ansioso pelo desfecho desta novela.

    ResponderEliminar

The summer is gone III