domingo, 30 de julho de 2006

Noite

A noite, essa tua cúmplice de loucuras e de amores
Essa tua companheira de fugas e correrias pelas vielas.
Tu entras na noite, e deixas que ela te envolva com o seu negro xaile,
Tenho ciúmes desse abraço tão denso e suave...

Abres-lhe a alma e contas-lhe os teus segredos
Segredos tão negros como essa noite escura,
Sussurras à lua cheia palavras proibidas
Permitidas e encobertas pelo negrume nocturno.

Na minha cama estendo a mão para te alcançar,
Encontro os lençois gélidos e o nada
Estás com a tua dama escura e fria
Perdido nesse abraço tão denso e suave...



7 comentários:

  1. Quando estendo a mão na minha cama, infelizmente não alcanço nada....

    Se por um lado isso aconteçe por opcção, por outro existem dias que lamento imenso ter escolhido este tipo de vida.
    Embora acredite que o meu dia de felicidade vai chegar.

    ResponderEliminar
  2. Sei que é um cliché, mas mais vale só que mal acompanhado. De que vale ter alguém se depois esse alguém não te dá atenção, nem te dá o carinho que mereces? Ontem soube de uma colega que depois de 7 anos de casamento vai-se divorciar...e fiquei de boca aberta, não estava à espera.

    ResponderEliminar
  3. poderoso post!
    um chamamento cumplice ao verdadeiro amor!
    A solidão assumida sem pressa no acolhimento!
    Fantatstico.

    Quanto á resposta que deste aqui, tambem comigo já se passou o mesmo. tanta felicidade encoberta na mentira!
    juras de amor que se quebram rapidamente no tempo. E depois? respostas de boca aberta!!!!

    Um abraço

    Paulo

    ResponderEliminar
  4. tem de ser mac. És novo por estas bandas? nunca te tinha "visto", bem vindo! um abraço

    ResponderEliminar
  5. :) como te compreendo...

    Pra quê a companhia de alguém que mesmo estando não está?! Pra quê entregarmos o que de melhor temos a quem "nada" quer fazer com isso?! :S

    Mas há muita gente por aí e novas oportunidades na vida...! :) Pelo menos gosto de pensar que assim é.. ;-)

    ResponderEliminar
  6. rodrigues18:09

    não conhecia esse teu lado romantico!!!!!!!
    A solidão é um estado d'alma não uma forma de vida ........
    tudo tem o seu tempo .

    ResponderEliminar
  7. Anónimo11:31

    "Poderoso"," felicidade encoberta na mentira",...etc. Existe assim tanta tristeza na vossa vida? Tambem gosto da noite. Especialmente quando estico os pés na cama e sinto que a Celeste se lembrou de mim para se aquecer.
    A Celeste é a minha iguana ;-)

    ResponderEliminar

This used to be my playground